Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

COLUNA VERTICAL



Domingo, 28.06.09

DISCURSO DE DORA CALDEIRA EM ALFERRAREDE

 

No ano em que a freguesia de Alferrarede celebra as suas Bodas de Ouro, é com muita tristeza e revolta que constatamos, em pleno século XXI, a falta de saneamento básico em Alferrarede Velha, Barca do Pego e Casal das Mansas (onde os esgotos correm a céu aberto para ribeiras), a falta de iluminação em locais como a estrada de acesso ao CRIA e à Zona Industrial, valas com maus cheiros mesmo ao lado das residências no Tapadão… Isto para já não falar em Casais de Revelhos onde o avistamento da placa indicativa da terra convive com o cheiro da ETAR instalada à entrada da povoação.
 
Por outro lado, o abandono do centro de Alferrarede, o encerramento da estação dos Correios e as paragens praticamente inexistentes dos comboios na estação de Alferrarede são o testemunho da falta de empenho e de dinamismo do actual executivo da Junta de Freguesia na representação e defesa dos legítimos interesses da segunda maior freguesia do concelho de Abrantes.
 
A Alferrarede, como todos reconhecem, falta hoje, sobretudo, liderança. Isto é, quem não se conforme com a actual situação e seja capaz de liderar um projecto que torne o presente mais feliz para os idosos e o futuro mais risonho para os jovens, criando as condições necessárias para que aqui se possam estabelecer e investir, quer no plano pessoal, quer profissional.
 
Desde muito jovem que tenho sentido um grande apelo a assumir responsabilidades e dinâmicas dentro da freguesia de Alferrarede. Esta minha candidatura vem, de certa forma, dar continuidade e reforçar a minha intervenção e podem ter a certeza que, como em projectos que já assumi, me empenharei a tempo inteiro de alma e coração.
 
Esta é, aliás, a única razão pela qual me decidi candidatar a presidente da Junta de Freguesia de Alferrarede pelo Partido Social Democrata.
 
Gostaria agora de apresentar as pessoas que comigo se tem empenhado neste projecto comum, passo a chama-las:
 
João Luís Dias, José Seixas, Conceição Amaro, João Luís da Conceição (actual presidente do Centro Cívico de Alferrarede Velha e que não pôde estar hoje aqui presente), Lídia Dias, Hélder Marques, António Clemente, José Ângelo Costa, Susana Amaro, Jorge Jacinto, Marta Dias, Cremildo Lopes, João Miguel Salvador, David Pombo, Maria João ramos (não pode estar presente por motivo de doença) e Carlos Nascimento.
 
Se vencermos as próximas eleições, como esperamos, e Alferrarede necessita, iremos propor as seguintes medidas:
 
Quanto à Saúde/Acção Social:
 
Melhorar as acessibilidades do Centro de Saúde, acompanhar as IPSS da freguesia e profissionalizar a Rede Social da Freguesia (isto é, colocar lá uma técnica a tempo inteiro).
Fomentar o alargamento do apoio domiciliário à terceira idade com a introdução de brigadas móveis de apoio (saúde, social, …)
 
Quanto à Segurança:
 
Denunciar todas a situações de insegurança conhecidas, às forças de segurança, Câmara Municipal, Governo Civil e tutela. O aumento de população, o que vai acontecer inevitavelmente com a vinda da ESTA para a freguesia deve ser acompanhado pelo aumento do policiamento, especialmente, o de proximidade. Há que rever a problemática do trânsito (sinalização e estacionamento)
 
Quanto à Educação:
 
Iremos levar a cabo a articulação entre o Novo Centro Escolar de Alferrarede e a sociedade civil. Criaremos uma comissão para acompanhar a instalação da ESTA na freguesia, que forneça um mapa com todos os serviços à disposição na freguesia, desde o alojamento à restauração local. Evitar a dispersão é um dos nossos objectivos, para potenciar o novo fluxo de jovens. Apoiaremos as escolas do 1º ciclo, nomeadamente com actividades lúdicas, educacionais, desportivas e bens de primeira necessidade, tal como sentimos como essencial a existência de um transporte escolar para as crianças transportadas.
 
Quanto ao Desenvolvimento Económico/ Turismo/ Desemprego:
 
O potencial de turismo local, de vertente museológica/arqueológica é enorme:
-     A história da indústria do Azeite em Alferrarede já merece um pequeno Museu do Lagar;
-      Os fornos na Barca do Pego;
-      Os achados arqueológicos nas margens do Tejo; etc.
 
Pela via do nosso potencial turístico, não só se poderá desenvolver a freguesia num campo que, até agora, está completamente esquecido e ignorado, também se poderão criar novos postos de trabalho, onde se deve de dar uma especial prevalência aos jovens da terra, porque, quem melhor do que eles, conhece Alferrarede.
Criar um site da Junta de Freguesia de Alferrarede, assim como um panfleto alusivo ao turismo e história da freguesia, serão instrumentos valiosos na divulgação da Alferrarede.
 
Sabemos que não é fácil concretizar algumas destas medidas, mas por acreditarmos nos elevados benefícios que dai advêm para a freguesia, tudo faremos para torna-las uma realidade. Para isso contamos com a nossa tenacidade e com o nosso espírito de perseverança.
 
Urbanismo:
 
Criar espaços verdes nos maiores núcleos da freguesia.
Criar zonas de lazer na ribeira de Alferrarede Velha e no futuro Museu do Lagar.
Valorizar o centro histórico de Alferrarede, onde pensamos, inclusive, na construção de sanitários e balneários públicos.
 
Quanto ao Desporto/ OTL/ Associativismo:
 
Estabelecer protocolos com a CM para a cedência das escolas que vão deixar de ser utilizadas.
Dinamizar as Associações da freguesia, dando apoio na elaboração das candidaturas a apresentar no âmbito dos vários programas concelhios e distritais de apoio a eventos e ao funcionamento.
Promover o bom relacionamento entre todas as entidades (desportivas, religiosas e de cariz social) – reactivar festas, desporto e outras iniciativas culturais – angariar fundos para benefícios sociais, com a programação de reuniões com os responsáveis das associações para, entre os intervenientes, se criarem sinergias que visem relançamento de actividades comuns (reunir duas vezes no ano para conciliar ou programar actividades).
 
Estas serão apenas algumas das linhas programáticas que farão parte deste projecto de candidatura à junta de Alferrarede.
 
Sendo Alferrarede, hoje em dia, uma freguesia perfeitamente integrada na malha urbana da cidade de Abrantes, deve procurar acompanhar o desenvolvimento da cidade, sem esquecer as raízes daquela que foi, em tempos, a freguesia mais pujante do concelho, e umas das mais importantes do distrito, facto, infelizmente, pouco acentuado, nas actuais comemorações do cinquentenário.
 
A componente Industrial, discordando ou não da forma como está implantada na nossa freguesia, a verdade é que Alferrarede foi uma das principais vítimas do impacto de um crescimento que de forma alguma foi sustentado.
 
Para a candidatura do Dr. Santana Maia, Alferrarede não pode continuar a ser uma freguesia de escombros e de subúrbio, mas tem de fazer parte, obrigatoriamente, de um anel de qualidade em torno da cidade: um local em que a simbiose com o verde da nossa paisagem seja uma realidade e qualidade de vida seja uma certeza.
 
A herança de Alferrarede, que nos foi deixada pelos nossos antepassados, alguns deles ainda entre nós e de quem muito nos orgulhamos, sendo o fruto da visão de alguns e do suor e trabalho de muitos, é algo a que seremos sempre fiéis na construção do futuro.
 
Alferrarede pode contar connosco e, contando connosco, Alferrarede também sabe com o que pode contar. Ou seja, com seriedade, lealdade, rigor, dedicação, devoção, empenho e, essencialmente, muito trabalho.
 
Ver posts:

Autoria e outros dados (tags, etc)



Perfil

3.jpg



Visitantes


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Quimeras


Alma, Eléctrico!


Livros

Capa - 3ª Edição.jpg

Capa - Frente.jpg

Capa Bocage.jpg 

Capa.jpg 

Eléctrico - Um Clube com Alma.jpg

Mistério Sant Quat (I).jpg


Livros-vídeo


eBooks




calendário

Junho 2009

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D