Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

Santana-Maia Leonardo - in Nova Aliança  

 

Ficámos agora a saber por Vitalino Canas que, em Portugal, nunca seria possível acontecer um caso como o «Watergate». E porquê? Adivinhem lá!

 

Será por que, em Portugal, os nossos políticos e governantes são pessoas sérias e, como tal, incapazes de alinhar em esquemas semelhantes? Ou será por que os nossos políticos conceberam uma Constituição e um sistema legal que os protege no caso de entrarem em esquemas semelhantes?

 

É claro que todos sabemos a resposta, mas, apesar disso, Vitalino Canas fez questão de a dar para que ninguém ficasse com dúvidas: não é possível haver um "Watergate" português, porque os meios utilizados pelos jornalistas norte-americanos para desvendar esse caso são, em Portugal, inconstitucionais. Como já toda a gente se apercebeu, a Constituição e as leis portuguesas servem apenas para proteger aqueles que as violam. Ou seja, por cá, as leis não são feitas para prevenir o crime, mas para proteger o criminoso.

 

Antigamente, costumava-se dizer, em tom de brincadeira, «vergonha não é roubar, vergonha é roubar e ser apanhado». Mas, para os actuais dirigentes socialistas, nem quando são apanhados a roubar ou a mentir, têm vergonha. E pior do que isso, não só não têm vergonha, como exigem que toda a gente continue a agir, pelo simples facto de o meio utilizado para os apanhar ser inconstitucional, como se não soubesse que eles mentiram.