Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

COLUNA VERTICAL



Sábado, 10.11.12

FALTA UM SALVADOR

Vasco Pulido Valente - Público de 3/11/2012

.

O dr. Cavaco Silva, que, segundo corre por aí, é o Presidente da República, desapareceu. Não se vê na televisão. Os jornais não falam nele. Anda calado como um rato e escondido atrás de uma cortina. A populaça supõe que o bom do homem continua em Belém a olhar para o Tejo e a contar navios. Mas não tem a certeza. Há gente, armada de binóculos, que o tenta descobrir sem o mais vago resultado. E há gente que perde o seu tempo e a sua paciência a especular sobre o que lhe sucedeu, se de facto lhe sucedeu alguma coisa. Já se demitiu sem ninguém saber? Emigrou? Caiu num poço? É um grande mistério. Por assim dizer, um mistério histórico. Um facto é certo: Portugal elegeu um senhor magrinho para resolver os sarilhos da pátria e, agora que precisa dele, ele não está cá.

.
Isto inquieta sobretudo o número crescente de políticos que lhe pedem com fervor a demissão do governo e nomeação de outro igualzinho ao da Itália. De um governo que fosse e não fosse de "iniciativa presidencial". De um governo que fosse e não fosse uma espécie indígena de ditadura. De um governo que tirasse os partidos de cena, sem, no fundo, os tirar. De um governo que fascinasse a esquerda e a direita. E, finalmente, um governo que por muito tempo impedisse eleições, sem tocar ao de leve na democracia. Consta que em Itália o sr. Monti fabricou um governo desses e que pela Itália inteira só se ouvem gritos de alegria. Nós também gostávamos de andar alegres. Mas, por azar, o sr. Monti, sendo italiano, não pode vir salvar Portugal, nem nós, com o nosso orgulho, nos deixávamos salvar por um estrangeiro, excepto se ele pertencesse à troika a que o sr. Monti não pertence.

.. 
Quem irá então ajudar os portugueses nesta aflição? (...) Se alguém encontrar D. Sebastião numa manhã de nevoeiro, por favor escreva para este jornal.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sábado, 10.11.12

O VERBO E A VERBA

Bagão Félix - Público de 7/11/2012

.

(...) Temos de saber enfrentar esta realidade com uma renovada moldura do contrato social. Não apenas tornando-o mais eficiente e mais ético, reprimindo os abusos e os desperdícios, como igualmente promovendo uma mais sólida cultura de partilha de riscos. Um contrato que preserve o seu alicerce público, mas que não iluda as pessoas através de um Estado totalizante, na saúde, nas pensões, na educação. Um contrato que, equilibrando direitos e deveres sociais, contribua para uma melhor coabitação entre um Estado providencialista (de prover) e uma sociedade mais previdencialista (de prevenir) e entre a justiça comutativa e a justiça distributiva. Um "Estado possibilitador" que tenha um critério social coerente e congruente com uma sólida igualdade de oportunidades e não com um ilusório igualitarismo. Um Estado social que não confunda a provisão de direitos sociais com a sua directa produção. Um Estado social, enfim, que não dissocie o carácter redistributivo de uma profunda reforma fiscal. 
.
Em suma, chega de discutir apenas segundo a tentação ideológica-maniqueísta, quando estamos perto do precipício. Como também bom será que não nos deixemos resgatar tecnicamente por um exercício de régua e esquadro de funcionários da troika, que não conhecem o Estado e o país profundo. A salvaguarda do Estado social exige tempo, perseverança, atitude construtiva, sentido de responsabilidade, humanismo radical e capacidade de resistir aos interesses protegidos. Exige, fundamentalmente, espírito de convergência na diferença. Ninguém se pode isentar das suas responsabilidades por razões tácticas, fúteis ou de curto prazo. É uma questão estruturalmente geracional que os portugueses julgarão. De outra forma, não haverá respostas para as crianças e jovens de hoje: o futuro de Portugal!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Perfil

SML 1b.jpg



Visitantes


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Quimeras


Alma, Eléctrico!


Livros

Capa - 3ª Edição.jpg

Capa - Frente.jpg

Capa Bocage.jpg 

Capa.jpg 

Eléctrico - Um Clube com Alma.jpg

Mistério Sant Quat (I).jpg


Livros-vídeo


eBooks




calendário

Novembro 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D