Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

Francisco Teixeira da Mota - Público de 2-1-2015

Há muito que defendo que, semestralmente, deveria ser presa uma figura pública, assim se assegurando um contínuo upgrade do nosso sistema penal e prisional.

Na verdade, as leis do processo penal e os regulamentos prisionais são genericamente  elaborados tendo como destinatários os cidadãos  pobres ou desfavorecidos e só quando os “poderosos” sentem na sua pele as sevícias processuais e existenciais a que são sujeitos os cidadãos comuns que caem nas garras da Justiça, é que se ouve gritar publicamente “aqui d’el’rei que estão a violar os direitos fundamentais de um cidadão”, geralmente, com a pudica ressalva que esse concreto cidadão ”não é mais, mas também não é menos do que os outros”...

Ora, a verdade é que esses cidadãos, exatamente porque estão habituados a “mais” do que os outros, têm a possibilidade de sentir, denunciar e combater absurdos e injustiças para eles mas que, para muitos cidadãos, mais não são do que o “pão nosso de cada dia” nas suas relações com o Estado. (...)

05 Jan, 2015

SÃO ROSAS, SENHOR!

Artur Lalanda

Etar 1.jpgEtar 1a.jpg

Artur Lalanda 1 (2).jpg

Em 2008, a concessionária das águas residuais do concelho de Abrantes, estava obrigada, por contrato negociado com a Câmara Municipal, a construir uma NOVA ETAR dos Carochos, orçada em 752 310,00 euros. Nada fizeram.

Em 2012, sem projecto (só foi elaborado no inicio de 2014), o contrato foi renegociado e a construção da NOVA ETAR orçamentada  em 1.766.952,00 euros (repito, dois anos antes de haver projecto já se conhecia o custo da obra)

Este valor foi considerado no cálculo da nova TIR (taxa interna de rentabilidade) como convinha à concessionária.

Chegamos a 2015 e constatamos, conforme as imagens anexas, que, afinal, as ruinas da antiga etar (antes rejeitada), com a cara lavada e uma cerca à volta, resolveram o problema.

Onde está a NOVA ETAR ?

Um milhão a mais ou um milhão a menos, pouco interessa. Os contribuintes são gente pacata.

Mais um milagre da benta administração da Abrantáqua. Como sempre, excelente desempenho e óptimo

A frase é de Jacques Maritain (O capitalismo é um tipo moderno de sociedade que gera a miséria como produto normal do seu funcionamento.”) e a foto é da autoria de João Carlos Igreja.

As fotos da coluna lateral são natalícias da autoria de: João Carlos Igreja (Torres Novas), Francisco Sá (Viana do Castelo) e Margarida Bernardo (ilha de S. Miguel). 

Torres Novas de João Carlos Igreja.jpg