Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

in Mirante de 20/1/11

 

Vereadores da oposição pediram esclarecimentos em reunião de câmara. O MIRANTE também tentou saber se o interesse do investidor se mantém, mas não recebeu informações conclusivas  

 

A construção de um novo hotel em Abrantes devia ter ficado concluída durante o ano de 2010, segundo prazo apontado na página da Câmara de Abrantes na Internet, mas a verdade é que as obras ainda nem sequer começaram no antigo campo de futebol do Barro Vermelho, junto à Avenida das Forças Armadas.  

 

Os terrenos foram vendidos pelo município ao grupo Starotéis pelo preço de 1,25 euros por metro quadrado. A finalidade do negócio é a edificação de uma unidade hoteleira de quatro estrelas com 79 quartos, 12 suites e 21 apartamentos, para além de outras valências como restaurante, galeria comercial e três salas de conferências. O investimento, a preços de 2008, estimava-se em 11 milhões de euros e projectava a criação de 60 postos de trabalho directos.

 

Os vereadores do PSD na Câmara de Abrantes pediram esclarecimentos à presidente do município, Maria do Céu Albuquerque (PS), em reunião do executivo, nomeadamente por que razão não foi o novo hotel construído e para quando se prevê o início das obras e a entrada em funcionamento.

 

Maria do Céu Albuquerque respondeu aos vereadores da oposição que a execução desse projecto não depende da vontade da câmara municipal, mas sim da empresa. Mas afirmou saber, segundo se lê na acta dessa reunião de câmara, que existe vontade do promotor no sentido da rápida execução do hotel e que o projecto tem financiamento assegurado.

 

O MIRANTE também pediu à presidente da Câmara de Abrantes que esclarecesse em que ponto se encontra o processo mas não obteve qualquer resposta até ao fecho desta edição. O mesmo sucedeu por parte do grupo Starotéis, que contactámos no sentido de saber se pretendem avançar com o investimento em Abrantes.

 

“A concretização deste grande investimento privado no concelho vem ao encontro das aspirações do município, concretamente à necessidade de aumentar a resposta hoteleira para fazer face ao desenvolvimento turístico, social e desportivo ocorrido nos últimos anos”, lê-se no site da Câmara de Abrantes. Certo é que o projecto já obteve luz verde da Câmara Municipal de Abrantes e da Direcção Geral do Turismo há muito tempo e por enquanto não saiu do papel.

 

Ver posts relacionados:

Reunião da Câmara de 17/1/11 (extracto I)

Reunião da Câmara de 27/12/10 (extracto I)

Assembleia Municipal de 26/2/10 (extracto III)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.