Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

Artur Lalanda

 

Ao fim de quinze anos em situação de abandono, a fiscalização do Ministério do Ambiente e a AHR Tejo, resolveram notificar a Câmara Municipal de Abrantes (decorria o mês de Março de 2009) para apresentar uma proposta de solução para os esgotos que corriam, a céu aberto, para o Tejo.

 

A então vereadora do ambiente, (actual presidente da edilidade) veio a público anunciar a imediata resolução do problema, com a instalação de uma etar compacta. O próprio presidente, Nelson de Carvalho, anunciou que, ainda em 2009, a Câmara ia investir 750 mil euros na construção de uma nova etar nos Carochos.

 

Estamos em 2011. Os esgotos continuam a correr, a céu aberto, para o Tejo e, ao que consta, não haverá nenhuma nova etar dos Carochos. Fica sem efeito o projecto que a concessionária já tinha elaborado, porque os SMA terão optado por construir uma nova etar junto ao açude, em terreno da Câmara, recorrendo-se a estações elevatórias, em vez de aproveitar o efeito da gravidade permitido pelas condições do terreno.

 

Esta etar, segundo o contrato de concessão com a Abrantáqua, era uma das obras, com carácter obrigatório, a ficar concluída em 31 de Dezembro de 2010.

 

Providências do Ministério do Ambiente ou da AHR Tejo, nem vê-las.

 

Caprichos de quem põe e dispõe. Até quando ?