Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

In Mirante on-line de 14/4/11 

 

Quase duzentas pessoas já assinaram a petição na Internet “Por uma Abrantes segura como dantes”, dirigida à Câmara de Abrantes e ao Governo Civil de Santarém, que reclama mais segurança na cidade. “Os abrantinos estão cansados de viver numa cidade controlada por uma comunidade de marginais que semeia o terror a seu bel-prazer perante a inoperância e a complacência das autoridades”, lê-se no texto que suporta a petição, onde se pede “que o Estado assuma as suas responsabilidades e obrigações, relativamente à cidade de Abrantes, libertando-a da tutela do grupo de marginais que a controla e domina, através do terror”.

 

Os peticionários exigem ainda que “a área de intervenção no perímetro urbano da cidade de Abrantes seja retirada da Polícia de Segurança Pública e entregue à Guarda Nacional Republicana, tendo em conta a sua estrutura militarizada, devendo o posto de Abrantes ser reforçado com pessoal e equipamento”.

 

O vereador do PSD Santana-Maia Leonardo é o segundo subscritor da petição e tem intervindo regularmente sobre a temática em reuniões do executivo. “Essa para nós tem sido uma questão vital. Aqui em Abrantes existe uma situação em que uma comunidade de delinquentes tomou como refém a própria cidade”, afirmou ao nosso jornal.

 

O autarca diz que “a câmara tem de dar a voz e dar a cara” e admite que já tem sido ameaçado pelas posições que tem tomado. “Dizem que não sou de Abrantes, mas a verdade é que, não sendo, tenho dado a cara onde as pessoas de Abrantes têm tido medo de a dar. E tenho corrido riscos, mas como sou vereador tenho obrigação de fazer isso”.

 

A petição terá tido origem em alguns estudantes da Escola Superior de Tecnologia de Abrantes que lhe pediram para dar ajuda nessa causa. Santana-Maia refere que apesar de haver cada vez mais pessoas a reclamar mais segurança em Abrantes, as coisas não têm mudado muito. Garante que têm continuado as ameaças e a coacção a comerciantes e afirma que a acção da PSP não é a adequada. “A GNR como é uma força militarizada tem um sentido do dever e de missão mais do que a própria Polícia”.  

 

Ver posts relacionados: 

Petição: «Por uma Abrantes segura como dantes» 

A teoria das janelas partidas 

No gueto judeu de Abrantes 

Insegurança em Abrantes 

Reunião da câmara de 8/11/10 (extracto I) 

Reunião da câmara - 25/10/10 (acta fls.6 e 9-11) 

Insegurança denunciada na Assembleia 

Há máfias a intimidar os comerciantes 

Reunião da câmara de 20/9/10 (extracto I) 

Reunião da câmara de 1/2/10 (extracto I) 

PSD/Abrantes e a insegurança 

Conferência de imprensa de 9/1/10 

Abrantes insegura 

Quanto à segurança 

Insegurança: visita ao Millenium