Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

COLUNA VERTICAL

"A coragem é a primeira das qualidades humanas porque garante todas as outras.." (Aristóteles)

COLUNA VERTICAL

"A coragem é a primeira das qualidades humanas porque garante todas as outras.." (Aristóteles)

.

Na semana passada confrontámo-nos com outro assomo de "soarês" quando, sempre brando e sedutor e admitindo que não tinha percebido nada das entrevistas de Vítor Gaspar, Soares tratou o ministro das Finanças por "político ocasional". (...)

.

E, no entanto, o mais interessante é que é possível que neste caso Soares esteja a ser traído pelo seu próprio dialecto. Vale a pena lembrar que "político ocasional" é uma expressão celebrizada num livro do sociólogo alemão Max Weber. Em A Política como Vocação, Weber separa o "político ocasional" do "político profissional", isto é, distingue entre o político para quem a política é uma vida a par de outras e o político para quem a política é a sua única vida, seja por viver para ela, seja por viver dela. O político ocasional, diz Weber, é aquele para quem "a política não é em primeiro lugar, nem materialmente, nem idealmente, a sua vida". Nesse sentido, "somos todos políticos ocasionais" quando depositamos os nossos votos, quando nos associamos na política ou quando exprimimos uma opinião. Até no Parlamento se sentam políticos ocasionais. A democracia depende deles.

.

É exactamente aqui que reside o equívoco do nosso senador Mário Soares. A Vítor Gaspar não tem faltado a retórica do "político profissional". Nos últimos 30 anos já se viu para onde nos levou essa retórica e todos lastimamos a sorte maléfica de ter encontrado políticos profissionais que se profissionalizaram mais por "viver da política" do que por "viver para a política". O que tem faltado a Vítor Gaspar é, diria eu, o contrário, é ser mais esse "político ocasional" que Soares abomina.

.

Pedro Lomba - in Público de 13/9/11