Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

01 Fev, 2013

O FUTEBOL POLÍTICO

José Pacheco Pereira - Público de 26-1-13

.

(...) Vários locais são o território ideal para este futebol político: o Parlamento, os blogues e os jornais, No Parlamento, o dualismo Governo/partidos de Governo versus partidos da oposição domina todo o debate. Ele é pela sua natureza posicional em vez de ser racional, depende não do que se pensa, mas do lugar onde se está. Defende-se com unhas, dentes e palavras os "nossos", e atacam-se os "outros". Alguns deputados mais truculentos fizeram e fazem a sua carreira dessa aptidão especial de fidelidade canina ao seu lado, sem memória, sem razão e quase sempre sem vergonha. Os regionalistas tornam-se centralistas, os nortistas descobrem-se sulistas, os liberais em defensores acesos de um Estado burocrático e colectivista, os do "partido dos contribuintes" passam a adeptos do partido dos impostos, os da lavoura passam para a indústria, o que servia há um ano já não serve um ano depois. Não são argumentos que se contrapõem mas factos-assassinos: o facto A destinado a esmagar o facto B, as "trapalhadas" actuais de Passos defrontam a "bancarrota" de há um ano de Sócrates, e vice-versa.

. 
Cada um diz ao outro: também tu já fizeste isto, pelo que não tens o direito a falar. Pouco importa o tempo, ou as circunstâncias: o debate parlamentar é a-histórico pela sua natureza, é uma retórica dualista e grosseira, confrontacional, sem contexto, nem pano de fundo. Na verdade, tudo o que se diz em resposta podia ser dito sem se ouvir a pergunta. (...)