Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

COLUNA VERTICAL


Sábado, 02.04.11

DORA MARIA APRESENTA CD NO SARDOAL

A fadista abrantina Dora Maria irá lançar o seu primeiro trabalho discográfico  intitulado "Mar de Tanto Amar". 


A apresentação do CD está marcada para o próximo dia 29 de Abril, pelas 21H, no Centro Cultural Gil Vicente no Sardoal, já que encontrou por parte de Câmara de Sardoal o apoio e a recepção que lamentavelmente não encontrou por parte da Câmara de Abrantes.


O fado "Asas", aqui gravado num vídeo amador, é um dos fados que íntegra o novo CD.  

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sábado, 27.11.10

FRANCISCO CORDEIRO, UM FADISTA ABRANTINO

Francisco Cordeiro é um fadista abrantino dotado de uma excelente voz a merecer outros palcos.

  

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sexta-feira, 11.06.10

EM CONSTANCIA, BIBLIOTECA: ESPAÇO DE CULTURA!

 

 

Provando que verdadeiramente a Biblioteca é um espaço de cultura abrangente, Anabela Diogo, directora da Biblioteca Escolar de Constância, organizou como forma de comemorar o 3º aniversário da Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas de Constância, uma noite da fados e de poesia ribatejana.

 

Graciosamente, contou-se com a presença de um dos melhores músicos da guitarra portuguesa, Custódio Castelo, que brindou com a sua arte  cerca de uma centena de convidados que se fizeram presentes. Também esteve presente, João Chora, conhecido músico e fadista ribatejano e Dora  Maria, fadista abrantina que juntamente com Custódio Castelo ofereceram um verdadeiro momento de fado e de cultura portuguesa!

 

E como a Biblioteca vive dos livros e respira poesia, ainda aconteceu Poesia, brilhantemente declamada por Raul Caldeira e Ana Maria Dias (presidente da Casa Memória Camões). Foi uma noite inesquecível e uma prenda digna para uma Biblioteca!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sexta-feira, 28.05.10

TERCEROS VIAJES CON LETRA Y MUSICA

Angel Garcia Prieto e Miguel Angel Fernandez são autores deste livro que é uma sequência de outros dois livros que abordam um mundo de viagens e vivências reais dos próprios, sempre num contexto cultural e  musical dos lugares e países que visitaram. Foi com enorme satisfação e orgulho para a cidade de Abrantes que, num ambiente intimista no bar Alcaida, recebemos dois autores do livre TERCEROS VIAJES CON LETRA Y MUSICA.  

 

Desta feita, neste terceiro volume, dedicaram dois capítulos ao nosso país «Diez rincones portugueses e El Ribatejo, cinturón escarlatay fogoso en el talle de Portugal», que fala nomeadamente da cultura musical do nosso país, focalizando-se mais no nosso Ribatejo e no Fado. Feita a apresentação do livro pelos próprios autores, tivemos ainda uma apresentação de Daniel Gouveia (editor da DG Edições e conceituado escritor, poeta e fadista). Terminou-se este evento cultural com uma sessão de fados com o conhecido fadista e músico ribatejano, João Chora e a fadista abrantina, Dora Maria, acompanhados à guitarra portuguesa por José  Manuel Bacalhau. 

 

Com tão bons livros e música e com um fundo de paisagem divina que os varandins do Alcaide proporcionam sobre a cidade, mais parecia um quadro de Malhoa!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quarta-feira, 13.05.09

GRANDE NOITE DO FADO

por Rui André

 
No sábado 9 de Maio, assisti a uma grande noite de fados na Casa do Povo de Rio de Moinhos. Pelas 20.30h, serviu-se o jantar composto por migas com bacalhau ou febras (com bom vinho e sobremesa). Com início pelas 22h começaram os Fados com a actuação de vários fadistas: Nélson Lemos, Mário Santos, Lena Lemos, Emanuel Figueiredo, Manuela Ribeiro, Victor Lemos, acompanhados à guitarra portuguesa por João Chita e à viola por Francisco do Carmo.
 
Um serão agradável que contou com a presença de 120 pessoas, incluindo o candidato à Junta de Freguesia e também associado da Casa do Povo de Rio de Moinhos, João Paulo Rosado, que mostrou o seu apoio a actual direcção que tem feito um trabalho meritório e que tem dinamizado desde da sua eleição, várias iniciativas culturais. O associativismo deve ser partilhado por todos e com todos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sábado, 11.04.09

GRUPO DE FADOS ABRANTINO

por Santana Maia

 
No passado sábado à noite, dia 4 de Abril, tive a oportunidade de assistir, mais uma vez, à actuação ao vivo do Grupo de Fados Abrantino, no auditório da Santa Casa da Misericórdia de Abrantes, numa organização do Núcleo Sportinguista de Alferrarede. Para quem gosta de fado, o concelho de Abrantes consegue proporcionar boas noites fado e só com a prata da casa.
 
Foi «numa casa portuguesa com certeza» que, em 2003, o Grupo de Fados Abrantino se formou. A sua primeira actuação foi no Souto, mas logo começou a ser convidado para participar em noites de fados na região de Abrantes e não só…. É composto por quatro amigos: Alfredo Gomes (guitarra portuguesa), Mário Moura (viola), Dora Maria e Francisco Cordeiro (vozes).
 
Deste então e até hoje, muitos têm sido os lugares onde já actuou, correndo o país de lés a lés e actuando, muitas vezes, em conjunto com outros fadistas e músicos, alguns bem conhecidos de todos, tais como António Pinto Basto, Margarida Bessa, José Gonçalez, Mestre António Parreira, Joana Amendoeira, Pedro Amendoeira, Pedro Mourato, Francisco Gonçalves, Argentina Santos … O Grupo teve a sua primeira internacionalização, no ano de 2006, em Londres e Leicester, onde actuou em restaurantes portugueses para emigrantes e ingleses. Também no ano de 2008, actuou num hotel em Ourense, na Galiza. 
 
O principal objectivo do Grupo de Fados Abrantino é divulgar o fado e, simultaneamente, o nome da cidade de Abrantes. São um grupo amador, no verdadeiro sentido da palavra. Ou seja, são fadistas por amor ao fado. Para quem gosta de fado, vale a pena ouvi-los cantar. Até porque, quer o Francisco, quer a Dora, têm vozes muito especiais.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quarta-feira, 01.04.09

GRANDE NOITE DO FADO

por Santana Maia

 
No passado dia 28 de Março, tive o prazer de assistir à Grande Noite do Fado da Santa Casa da Misericórdia, organizada pela Anabela Almeida, directora e coordenadora de AAProduções, cujo site, desde já, recomendo
(http://aaproducoes.no.comunidades.net/).
 
Fiquei francamente impressionado quer com a qualidade e o dinamismo dos apresentadores Anabela Almeida e o seu filho, quer com a forma como os sketches humorísticos interagiam com os fados, quer com a qualidade dos guitarristas Paulo Leitão e Gilberto Silva e dos fadistas Ana Laíns, Tina Jofre, Vitor Manuel, João Guiomar e Nuno Pico. Nuno Pico não fazia, aliás, parte do elenco mas demonstrou que tem voz e talento para ombrear com qualquer deles.
 
Fico, pois, à espera de uma nova noite de fados organizada com a marca de qualidade de Anabela Almeida e, se possível, que possa contar com a participação dos excelentes fadistas que existem nesta região.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Domingo, 28.12.08

RUI LOPES E JUNOT EM S. MIGUEL

 

S. Miguel de Rio Torto tem razões para estar orgulhosa: Rui Lopes, nascido e criado nesta freguesia, acaba de lançar o livro da colecção Coimbra Património “Lucas Junot: o Estudante Brasileiro que cantou Coimbra – Fotobiografia”.
 
A apresentação teve lugar no dia 13 de Dezembro, pelas 16H00, na Casa Municipal da Cultura, em Coimbra, com apresentação do Dr. Augusto Camacho Vieira.
 
Rui Lopes nasceu em 1976 em S. Miguel do Rio Torto (Abrantes) onde fez os seus estudos primários. Em 1997 ingressou no Curso de História na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra tendo terminado o Curso em 2001. O seu grande amor à cidade e ao fado de Coimbra acabou por fazê-lo fixar-se em Coimbra onde ainda hoje reside.
 
Actualmente o seu principal interesse de Investigação é a História da Canção de Coimbra. O livro agora publicado é precisamente o resultado dessa investigação sobre a figura do Dr. Lucas Junot, um brasileiro que estudou em Coimbra na década de 20 do século passado e que cantou e tocou a Canção de Coimbra.
 
Um livro a não perder não só para quem gosta do fado e da canção coimbrã mas também para todos os abrantinos que não podem deixar de estar reconhecidos com a importância e a qualidade do trabalho de investigação deste um seu conterrâneo.
 
Quem não pôde estar na apresentação do livro em Coimbra, vai ter a oportunidade de ter o seu livro autografado na sessão de autógrafos que se vai realizar, no próximo dia 30 de Dezembro, pelas 21, no edifício das antigas escolas primárias de S. Miguel de Rio Torto.
 
Não falte! O Rui e o livro merecem!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Perfil

SML 1b.jpg



Visitantes


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Quimeras


Alma, Eléctrico!


Livros

Capa - 3ª Edição.jpg

Capa - Frente.jpg

Capa Bocage.jpg 

Capa.jpg 

Eléctrico - Um Clube com Alma.jpg

Mistério Sant Quat (I).jpg


Livros-vídeo


eBooks




calendário

Agosto 2019

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D