Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

COLUNA VERTICAL

"Barcelona respira liberdade e harmonia por todos os poros."

  As reformas em Portugal são como um adorno clássico do ministério – como o correio, como os bordados da gola! Não são uma organização do país – são um pretexto da pasta.   Todo o ministro que entra – deita reforma e coupé. O ministro cai – o coupé recolhe à cocheira (= garagem) e a reforma à gaveta. (…)   Cada ministro tem a peito apresentar, classicamente, como um dever, como um documento, como uma justificação da sua nomeação – uma reforma.   O (...)
Santana-Maia Leonardo - in Nova Aliança    O slogan do PSD das últimas legislativas é enganador porque transmite a falsa ideia de que a hora de mudar era agora, quando, na verdade, agora só vamos mudar pela força das circunstâncias e com grande dose de sofrimento, em virtude de não termos mudado quando devíamos, ou seja, há muito tempo.   Em boa verdade, nós, (...)
17 Mar, 2011

A CORRIDA DE BURROS

Santana-Maia Leonardo - in Nova Aliança de 4/3/11 Todos eles convergem quer no diagnóstico do "Estado onde estamos", quer na defesa do estádio onde devíamos estar. E todos estão também convencidos de que para passar da actual situação para a solução, basta vontade política para implementar as miraculosas reformas estruturais que todos defendem. Nos últimos dois (...)
Santana-Maia Leonardo - in O Diabo de 1/2/2011   Falar em reformas estruturais há vinte ou trinta anos ainda fazia sentido. Hoje não só não faz qualquer sentido como qualquer reforma estrutural que hoje se inicie só serve para lançar o caos no serviço onde a mesma for implementada. E a razão é muito fácil de compreender: se um indivíduo já tem dificuldades em guiar uma carroça, não é (...)